curiosidades 

 
início abraços e lambidas sem riscos.

     Na Universidade do Estado do Kansas - USA a veterinária Dra. Kate Stenske realizou um estudo recente onde afirma, que não tem risco algum para os donos de cães o contato direto com abraços, lambidas e beijos, pelo contrário o risco é para eles.

 

 
Voltar  

     O estudo, que será publicado em breve no conceituado jornal “American Journal of Veterinary Research”, revelou que dormir ao lado do cão de estimação ou levar uma lambida no rosto não causa doenças. Tais conclusões foram obtidas analisando os riscos relacionados à bactéria Escherichia coli coletando amostras de fezes de cães e de seus proprietários. Esta bactéria é causadora de problemas   comuns    como

 

infecções intestinais.

     O resultado mostrou que em grande parte dos casos a bactéria encontrada nos seres humanos é mais resistente e mais perigosa à saúde, do que a encontrada entre os cães. Para reforçar a idéia de que, na verdade, são os humanos é que podem infectar os animais, constatou-se  que  em  10%  dos  casos,  cães  e  seus  proprietários  compartilhavam  do

 
   

mesmo tipo da bactéria E. coli mais resistente. Isso significa que os humanos transmitiam sua bactéria para os cães e por ser mais resistente, elas permaneciam no organismo do animal, mas não causam riscos à saúde dele.

 

     Não devemos esquecer que mesmo com estes resultados o bom senso deve ser mantido, mantendo o mínimo de higiene como lavar as mão após brincar com o seu "amigdepatas" principalmente quando for manusear alimentos.

 

 
   

     Os próximos estudos da veterinária prometem analisar a relação da mesma bactéria com gatos e seres humanos. Será postado assim que forem publicados, mas acredita-se que tenha resultados semelhantes.