curiosidades 

início porque os gatos sempre caem em pé?

     Quando um gato salta ou sofre queda de algum lugar, ele sempre consegue cair de pé devido a sua fisiologia. Ou seja, sempre que o gato está numa posição desconfortável, ocorre um aumento de pressão na região, funcionando como um alerta.

     A transmissão das mensagens nervosas entre os olhos, os ouvidos, os músculos e as articulações do gato ocorre muito rapidamente, o que faz com que o animal tenha um grande equilíbrio. Quando a mensagem é enviada para o sistema nervoso, ele manda vários sinais elétricos para o aparelho locomotor, em especial, os músculos. Assim, os músculos, realizam uma série de movimentos instintivos que fazem o corpo do animal recuperar o equilíbrio. Como mostramos na ilustração abaixo.

Voltar
 

 

     Quando o gato cai, os olhos e os ouvidos (labirinto - sistema de equilíbrio localizado no ouvido interno) enviam ao cérebro uma mensagem sobre a posição da cabeça em relação ao solo, determinar o que é acima ou abaixo. O cérebro responde com comandos para os músculos, que corrigem a postura da cabeça e então gira seu tronco para que as patas fiquem para baixo, a sua traseira segue o movimento e alinha seu o corpo (figura 2 e 3). Acontece isto tudo em frações de segundos e o gato chega ao solo com as patas para baixo, pronto para absorver o impacto. Mesmo os filhotes podem cair sem medo, pois a maioria aprende a dominar a habilidade quando possuem apenas sete semanas de vida.

     Para conseguir este feito, o gato também é ajudado nas quedas pelo seu pequeno corpo, estrutura óssea leve e pelo espesso, o que diminui a velocidade de queda e suaviza o impacto. Alguns conseguem até achatar seu corpo como um paraquedas, para criar mais resistência ao ar e cair mais vagarosamente. Sendo assim, para ele cair em pé, é necessário que a queda lhe dê tempo suficiente para retomar o equilíbrio.

     Mesmo com a natureza a seu favor, é bom tomar cuidado ao abrir as janelas para seu "
amigdepatas". Um pássaro pode facilmente distraí-lo o suficiente para que ele perca o equilíbrio, fazendo com que ele se machuque em quedas, mesmo caindo sob suas patas.